Blog | Partage Shopping | Com você, transformando cidades e pessoas!

É possível vender durante o isolamento?

2 minutos para ler

Confira algumas dicas para vender durante o isolamento e manter o varejo ativo, mesmo que seja a distância

Em tempos de pandemia do Coronavírus, surge a questão: como vender durante o isolamento? Operar pela internet e aderir ao sistema de delivery são os pontos cruciais para levar os negócios adiante no varejo. Se você nunca atuou nessas duas frentes, comece a rever seu modelo de trabalho já!

Quem tem e-commerce sai ganhando, neste caso basta intensificar as ações de marketing digital e criar promoções direcionadas para manter-se no jogo.


Algumas atitudes que você pode tomar:

  • Concentre-se nas vendas online, pense não só na melhor oferta, mas no momento do cliente e tente identificar quais produtos teriam mais saída neste período.
  • Reforce sua presença nas redes sociais, afinal mais do que nunca todos estão online. Redirecione suas verbas para esta frente.
  • Lembre-se de que se todos estão online, haverá maior interação com os seus conteúdos. Esteja preparado para responder com agilidade aos comentários e mensagens inbox.
  • Se  precisar de reforço nesse sentido, veja a melhor maneira de aproveitar seus colaboradores como uma força-tarefa.


OK, mas eu não tenho um e-commerce

É claro que ter um e-commerce ajuda – e muito – na estratégia de vendas. Até porque, só em 2019 o faturamento no e-commerce brasileiro teve alta de 22,7%, de acordo com o relatório NeoTrust. Mas, você pode começar acionando outras frentes. Como vender pelo WhatsApp, por exemplo. Basta distribuir sua lista de clientes entre o time de vendas e pedir para eles fazerem esta divulgação ativa, eles podem compartilhar imagens dos produtos e oferecer descontos diferenciados. Você pode habilitar alguma plataforma financeira online de vendas, como o Pay-Pal e o Pag Seguro. Então é só gerar um link de pagamento e enviar ao cliente. Certifique-se também de que conseguirá entregar os produtos.

Tenha em mente que os consumidores estão em casa, vivendo suas vidas e buscando maneiras de amenizar o tédio. Quem souber abordar esse público pode obter bons resultados.

Posts relacionados

Deixe um comentário